Novidades

Dicas

SOMENTE QUEM NAVEGA SABE OS PERIGOS DO MAR - POR LUIZ JARDIM

13/03/2022


Somente quem navega
Sabe os perigos do mar 
Sob os confortos da terra 
Sob a embriaguez do paraíso 
Não se sabe o que é guerra
Não se pisa sem ter piso. 

Ter que arrancar a paz
De qualquer coisa pequena
Fazer o que ninguém faz
Pra se ter a alma plena. 

Ultrapassar os limites
De si mesmo, solitário
Dormir sobre espinhos
ristes
Mas sonhando com um rosário.

Olhar por uma janela
Vislumbrar um roseiral
Onde todos veem nela
Um mangue, um lamaçal.

Isso sim é navegar
Nos tormentos dessa
Terra Sentir a fúria do mar
Mas sem naufragar-se
nela.

Página extraída do livro Poemas Marítimos, Urbanos e Agrestes Do Luiz Jardim

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ME Assessoria Literária Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por pattyrocker
Topo