Novidades

Dicas

ENQUANTO DURAR O SOL - POR HUAILA AYRES

30/03/2022


Enquanto durar o sol,

Viverei a vida que me couber. Receberei todos os presentes que ela me oferecer desde o mais rude e barato ao mais feliz e sofisticado.

Darei abraços apertado e beijos demorados

Enquanto durar o sol...

Movimentarei os músculos e o esqueleto, pois a preguiça costuma dar muito trabalho e não quero que meu eu do futuro cobre o meu eu de agora.

Escreverei os trechos de um bom livro num caderninho e os citarei a quem me estiver por perto. Ouvirei minhas músicas preferidas e muitas vezes repetidas.

Chorarei as lágrimas que tiver que chorar e, se preciso for, com elas regarei as plantas e assim, do sofrimento produzirei adubo.

Farei perguntas que não precisam ser respondidas, mas ainda assim, continuarei buscando as repostas.

Cuidarei do espírito que em mim faz morada e que está continuamente em manutenção e reparos.

Enquanto durar o sol...

Tomarei meu café sem açúcar, pois se é para experimentar do amargo desta vida que seja de forma natural.

Se for pra viver, que seja pra durar

Se for pra durar, que seja pra brilhar

E quando enfim, chegar o dia em que eu fechar meus olhos e o tempo não mais me tiver por prisioneira - ah! O tempo, este sujeito britânico e sem compaixão....

Quando chegar o dia em que eu fechar meus olhos e o tempo não mais me tiver por prisioneira que ao menos eu tenha aquecido corações como um pequeno e sutil raio de sol.

 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ME Assessoria Literária Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por pattyrocker
Topo